quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

O Presente de Aniversário


 Uma semana depois de meu filho entrar para a 1ª série, ele voltou para casa com a notícia de que Roger, o único menino negro na sala, era seu companheiro de playground. Engoli em seco e disse:


- Que bom. Quanto tempo até que alguém mais também vire seu amigo?
- Ah, eu não vou deixar de ser amigo dele - respondeu Bill.


 Na outra semana, recebi a notícia de que Bill perguntara se Roger podia ser seu companheiro  de carteira.
 A não ser que você fosse nascido e criado no interior do Estados Unidos, como eu fui, não vai entender o que isso significa. Marquei uma consulta com a professora.
 Ela foi me encontrar com olhos cansados.


- Bem, suponho que a senhora também queira um novo companheiro de carteira para seu filho - disse. - Será que poderia esperar alguns minutos? Há outra mãe chegando agora.


 Virei-me e vi uma mulher da minha idade. Meu coração disparou quando percebi que deveria ser a mãe de Roger. Possuía uma discreta dignidade e muita atitude, mas nenhuma das duas qualidades podia encobrir a ansiedade que ouvi em suas perguntas:


- Como Roger está se saindo? Espero que esteja acompanhando as outras crianças. Se não estiver, me avise.


 Ela hesitou enquanto forçava-se a perguntar:


- Ele está criando qualquer tipo de problema? Quero dizer, por que ele tem que trocar tanto de carteira?


 Percebi a terrível tensão que estava sentindo, pois ela sabia a resposta. Mas fiquei orgulhosa da resposta gentil daquela professora primária:


- Não, Roger não está causando problemas. Tento mudar todas as crianças de lugar durante as primeiras semanas até que encontrem  o parceiro certo.


 Eu me apresentei e disse que meu filho deveria ser o novo companheiro de Roger e que esperava que gostassem um do outro. Ainda assim eu sabia que era apenas um desejo superficial, não um desejo profundo. Mas isso a ajudou, eu pude ver. Duas vezes Roger convidou Bill para ir até sua casa, mas eu encontrei desculpas. Então veio o arrependimento que sentirei sempre.
 No dia do meu aniversário, Bill voltou da escola com um pedaço encardido de papel dobrado em um quadradinho minúsculo. Desdobrando-o, encontrei três flores e "Feliz Aniversário" desenhados em lápis de cera no papel - e um centavo.


- Foi o Roger que mandou - disse Bill. - É o dinheiro do leite. Quando eu disse que hoje era seu aniversário, ele me fez trazer isso para você. Disse que você é amiga dele, porque foi a única mãe que não o obrigou a mudar de companheiro de carteira.

- Mavis Burton Fergunson (texto de 1969)

 "Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, haverá guerra." (Bob Marley)



Eu sei que no começo eu disse que usaria esse local pra postar resenhas de livros e poemas e textos que eu escrevia, mas eu mudei de idéia -q

Um comentário:

  1. Hehe.. ^^ Sem problema.

    Sam está tentando mudar o mundo... u_u

    ResponderExcluir

"Posso não concordar com uma única palavra do que dizeis, mas defenderei até a morte o vosso direito de dizê-lo"
Voltaire